MICROCONTOS

MÁFIA

Quando surpreendeu o marido e a filha de segredinhos no quarto ao lado, ela teve a certeza de que a máfia da festa surpresa já estava se organizando novamente. Como é de praxe em casos envolvendo a descoberta de mafiosos, ela fingiu não saber de nada. 

COURO

O sapato combinando com o cinto, ambos de couro caramelo. Da bolsa, de couro, um tom acima, tirou a chave do carro, com banco macio de couro cinza. Chegando ao restaurante, guardou o celular com capa de couro e torceu o nariz para o bife suculento do prato ao lado. “Coitadas das vaquinhas”, pensou.

PLANETA

Soberbos, o tomamos por nosso. Egocêntricos, o colocamos no centro do mundo. Sábios, o arredondamos. Maravilhados, o observamos à distância. Irresponsáveis, o maltratamos. Ignorantes, o achatamos. Porém, magnífico, ele sempre será o que já era... antes mesmo de tornar-se o planeta Terra.

CHICOTE

Todos viram quando o chicote estalou em seu corpo e rasgou sua pele. O que ninguém viu foi o estrago que ele fez por dentro.

VELHO

Era o primogênito entre os cinco irmãos. E gostava de dizer que apenas ele, por ser  o mais velho, podia beber e fumar à vontade.

Não demorou muito para os irmãos alcançarem a sua idade e ficarem mais velhos do que ele.

REI

Abri meu armário e o rato estava lá, roendo a minha roupa. Se eu for para Roma, talvez eu me torne rei. Boca eu já tenho.

PAPEL

Quando um pequeno pedaço de papel chegou às suas mãos para alertá-lo sobre a traição de sua esposa, ele se apressou em gritar aos quatro ventos que já sabia.

Corno, sim. Ignorante, jamais.

EXPEDIÇÃO

O site avisava que o produto estava na Expedição, mas ele nunca chegou às mãos de Oscar, o que o fez constatar, anos depois, que talvez não tivesse sido uma boa ideia tentar comprar a felicidade.

CIGANA

Cheguei na cigana, e ela pediu minha mão. Eu dei. E o que ela leu nos delicados traços da minha palma foi um futuro tão terrível que eu saí de lá com a sensação de que ela havia ficado com a minha mão e com o restante do meu corpo inteiro.

TERRA

O Zeca comprou um terreno, que, segundo o vendedor, tinha terra boa pra plantar feijão. Era fazer um buraco de até 7 centímetros e jogar a semente. Mas o Zeca não teve tempo de plantar. Naquele mês, cavaram, nos fundos do terreno, um buraco bem mais profundo que os 7 centímetros pra plantar feijão.

ARMADURA

Relutou em aceitar seu destino quando o dever o convocou à guerra. Finalizada a batalha, despiu-se com orgulho de sua pesada armadura. A couraça que protegera seu corpo, não resguardara a sua alma.

ALMIRANTE

Aceitar os desafios da vida e não estar preparado para errar...

é como o almirante que assume o navio sem ter aprendido a nadar.

PORTAL

Após anos de buscas fracassadas, ele finalmente encontrou a morada da Felicidade. Quando atravessou o imponente portal, estava dentro de si mesmo.

ASSALTO

O assalto à loja de doces foi a parte mais fácil. Difícil foi

explicar à mãe porque acordava todos os dias com a língua azul.

MEMBRANA

Não sobrou cola para condenar o burrico e o porco a permanecerem eternamente na página 12 do livro de atividades. Mas teve o suficiente para Pedrinho cobrir a palma da mão 5 vezes e, depois da cola seca, arrancar a membrana transparente com cuidado para que ela chegasse intacta até a base dos dedos.

JUIZ

Após mais de quinze anos de namoro, quando ele finalmente a pediu em casamento, durante um jantar romântico em um fino restaurante, ela levantou-se, tirou da bolsa os papéis que sempre carregava consigo, subiu na cadeira e gritou: "algum juiz presente?"

MOVIMENTO

Seguiam um atrás do outro, cada um sobre o seu cavalo.

O dela, branco com penacho na cabeça. O dele, um malhado imponente. Ambos em movimento, na mesma direção, sentido-horário. Só se alcançariam se, por ventura, os animais ganhassem vida e descessem do carrossel.

CICATRIZ

No presídio, ele exibia aos companheiros de cela as marcas em sua barriga saliente. Enfileiradas, cada cicatriz representava uma de suas vítimas. Gostava de dizer que os cortes profundos que havia feito nelas nunca cicatrizariam. E ria alto, chacoalhando as evidências de seu comportamento doentio.

GLADIADOR

Ele nem sabia o que era um gladiador quando a vida passou a exigir que ele matasse

um leão por dia.

FERRO

Primeiro veio a boca seca, o sabor amargo. Depois, pouco a pouco, como os veios de um rio, veio a água salgada. Então, veio um gosto de ferro, em jatos quentes

e espessos. Até que não veio

mais nada.

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now